Vídeo: Bolsonaro promete barrar lockdown com decreto e ameaça STF

Bolsonaro, lockdown e STF – O presidente Jair Bolsonaro ameaçou baixar um decreto proibindo o lockdown em todo o pais, e ainda fez alusão ao STF: ”Não vai ser contestado por nenhum tribunal”.
Apelando para o Art. 5º da Constituição Federal, Jair Bolsonaro defendeu “liberdade de cultos, liberdade para poder trabalhar e o direito de ir e vir” para ameaçar baixar um decreto barrando lockdown em estados.

Ele ainda mandou um recado ao Supremo Tribunal Federal:

“Nas ruas, já se começa a pedir que o governo baixe um decreto. E seu baixar um decreto, vai ser cumprido. Não vai ser contestado por nenhum tribunal”.

A fala foi feita durante evento no Palácio do Planalto, na abertura oficial da Semana das Comunicações.

Ele ainda chamou de “excrescência” a decisão do Supremo de dar autonomia aos estados e municípios durante a pandemia.

O presidente ainda afirmou que, por conta do STF, “pastores e padres passaram a ser vilões no Brasil”.

Assista:

Vídeo: CPI da Covid é suspensa após confusão com a bancada feminina

Presidente da CPI da Covid, o senador Omar Aziz (PSD-AM) interrompeu e suspendeu a sessão da comissão após uma confusão envolvendo protestos por parte da bancada feminina da Câmara e do Senado.

Assista o vídeo e leia a matéria completa aqui.

Após receber ‘golpista’ Eunício de Oliveira, Lula ‘esconde’ foto nas redes

O ex-presidente Lula (PT) recebeu, nesta terça-feira (04), o ‘golspista’ Eunício de Oliveira (MDB-CE), um dos principais responsáveis pela aprovação do impeachment de Dilma Rousseff (PT) ocorrido em 2016. Apesar do encontro, Lula ‘esqueceu‘ de registrar o encontro em suas redes sociais em contraste com as reuniões com o deputado federal Marcelo Freixo (PSOL-RJ) e o senador Fabiano Contarato (Rede-ES), alardeadas nas redes com fotos e homenagens.

Assista o vídeo e leia a matéria completa aqui.

Vídeo: Ciro Gomes aponta desemprego crescente desde governo Dilma

Ciro Gomes (PDT) publicou novo filmete nesta quarta-feira (05), no qual trata do desemprego no país e lembra que ele é crescente desde o governo de Dilma Rousseff (PT).

Assista o vídeo e leia a matéria completa aqui.

ONU: polícia abriu fogo contra manifestantes na Colômbia

A ONU afirmou que a polícia abriu fogo contra manifestantes e contra a equipe das Nações Unidas na Colômbia, nesta segunda-feira (3). Grupos locais de direitos humanos afirmam que a cifra de mortos já passou dos 20.

Leia a matéria completa aqui.

Roberto Jefferson publica fake news contra Ciro e é desmentido

O presidenciável do PDT Ciro Gomes foi alvo de uma “fake news” do presidente do PTB, Roberto Jefferson, condenado no Mensalão. “O silêncio dos bons fortalece a ação dos maus”, diz a legenda da postagem de Jefferson, que traz um vídeo falso imputando supostos crimes a Ciro.

Leia a matéria completa aqui.

Novo filmete de Ciro Gomes: “Lula e Bolsonaro são profundamente diferentes”

Em mais um filmete lançado nesta terça-feira (03), o ex-ministro Ciro Gomes (PDT) voltou a fazer críticas à Bolsonaro, à Lula e ao PT e afirmou que além do negacionismo científico da direita, é preciso vencer o ‘negacionismo de esquerda’, em referência aos erros cometidos pelos governos petistas no comando do país. “Lula e Bolsonaro são profundamente diferentes”, ressaltou no entanto o pedetista.

Leia a matéria completa aqui.

Mandetta entrega ‘carta-bomba’ à CPI da Covid: ‘Bolsonaro duvidou de projeções de mortes’

Em depoimento à CPI da Covid, nesta terça-feira (04), o ex-ministro da Saúde Henrique Mandetta afirmou que Bolsonaro fez pouco caso de uma projeção que apontava para o risco de o Brasil alcançar 180 mil mortes e entregou uma ‘carta-bomba’ que teria enviado à Bolsonaro, alertando para os riscos da pandemia de covid-19 caso não fossem tomadas medidas efetivas no combate ao coronavírus.

Leia a matéria completa aqui.

Veja mais notícias no BRI.

Compartilhe

Written by:

1.631 Posts

Siga nossas redes! https://linktr.ee/brasilindependente
View All Posts
Follow Me :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.