Argentinos vão às ruas gritar ‘Fora Bolsonaro’: “Perigo mundial”

Argentinos realizaram um protesto contra o presidente Jair Bolsonaro, na tarde da quarta-feira (14), em frente à embaixada do Brasil em Buenos Aires. Os manifestantes ergueram faixas com a foto do mandatário brasileiro e dizeres como “Fora Bolsonaro”, “A cepa Bolsonaro”, “perigo mundial” e “todo apoio ao povo brasileiro”.

As imagens foram captadas pela agência Reuters e reportadas pelo jornal português Correio da Manhã. O protesto foi convocado pela página virtual do Movimento Socialista dos Trabalhadores. “Bolsonaro, a pior cepa da América Latina”, diz o cartaz, que chama a política sanitária do presidente do Brasil de “criminosa”.

Manifestantes se concentraram em frente à embaixada brasileira de Buenos Aires / Foto: Reprodução

Segundo o site Periodismo de Izquierda, ligado à organização, estiveram presentes os líderes Alejandro Bodart e Cele Fierro, que acusaram Bolsonaro de ser “o cúmulo da brutalidade” e criticaram o negacionismo.

“Detrás do discurso antiquarentena, há interesses econômicos de setores que expõem os trabalhadores ao risco de adoecer e morrer”, disse Bodart, que pediu que os brasileiros críticos a Bolsonaro “deixem de dormir” e tomem medidas contra a política estabelecida.

A pandemia brasileira deixou de ser um problema só do Brasil, devido ao descontrole do número de mortes e de casos e ao surgimento de mutações do vírus. Foi o que disse Tedros Ghebreyesus Adhanom, da Organização Mundial da Saúde, em março: “Se o Brasil não estiver tratanto desse problema seriamente, isso continuará afetando toda a vizinhança, e além. Então, não é só sobre o Brasil”, afirmou o diretor da entidade.

Com mais de 360 mil óbitos notificados, o País apresenta uma média móvel de 3 mil mortes por dia.

Fonte: Carta Capital

Ciro Gomes Ceará trigo

Ceará choca ao plantar trigo no sertão e Ciro Gomes exalta povo brasileiro

Ciro Gomes (PDT) comentou, nesta sexta-feira (16), o sucesso do plantio de trigo no Ceará, que virou notícia nacional e internacional nos últimos dias, surpreendendo especialistas pela rapidez no tempo de colheita, além da alta produtividade registrada. “Não há desafio que o brasileiro não possa vencer se tiver oportunidade e apoio”, disse o ex-ministro ao Brasil Independente.

Veja a matéria completa aqui.

Sarto (PDT) denuncia Bolsonaro e pede ajuda internacional na CNN

O prefeito de Fortaleza, José Sarto (PDT), denunciou o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e pediu ajuda da comunidade internacional na aquisição de insumos médicos e vacinas contra a covid para a população brasileira, em entrevista à CNN.

Leia a matéria completa aqui.

André Figueiredo (PDT) parabeniza STF: “Queremos enfrentar Lula nas urnas”

O deputado federal André Figueiredo (PDT-CE) aplaudiu a decisão do STF, que anulou as condenações do ex-presidente Lula no âmbito da Lava Jato e escreveu: “Queremos enfrentar o ex-presidente Lula nas urnas!”.

Leia a matéria completa aqui.

Ciro se revolta com troca de delegado da PF que denunciou Salles

PDT) mostrou indignação com a notícia de que o diretor-geral da Polícia Federal (PF), Paulo Maiurino, decidiu substituir Alexandre Saraiva no comando da corporação no Amazonas após o delegado denunciar Ricardo Salles, ministro do Meio Ambiente, ao STF. Leia a matéria completa aqui.

Lula diz que ‘não há tempo’ para impeachment de Bolsonaro

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) falou, em entrevista ao UOL, nesta quinta-feira (18), sobre um possível processo de impeachment contra Jair Bolsonaro em meio à pandemia do novo coronavírus. Para Lula, já não há tempo para iniciar o processo visto que a corrida eleitoral de 2022 se aproxima. Além disso, o ex-presidente também acredita que o atual presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, não irá dar abertura ao processo. Leia a matéria completa aqui.

Renan Calheiros será o relator da CPI da Covid, diz colunista

Os senadores da CPI da Covid fecharam, nesta sexta-feira (16), um acordo para a composição dos cargos de comando da comissão, ficando acertado que o senador Renan Calheiros (MDB-AL) será o relator da investigação, o que era o maior receio do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). O senador Renan Calheiros é amigo e tem se aproximado cada vez mais do ex-presidente Lula (PT). Leia a matéria completa aqui.

Veja mais notícias no BRI.

Compartilhe

Written by:

1.708 Posts

Siga nossas redes! https://linktr.ee/brasilindependente
View All Posts
Follow Me :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.