Presidente do BC: Crise hídrica afeta economia e causa aumento de preços

Crise hídrica causa aumento de preços – O presidente do BC (Banco Central), Roberto Campos Neto, afirmou nesta quarta-feira (2) que a crise hídrica vivida atualmente no Brasil afeta a inflação e, por isso, mudanças climáticas estão cada vez mais no radar da autoridade monetária.

“Como isso afeta a política monetária? Estamos falando sobre crise de energia no Brasil novamente, porque não está chovendo o suficiente. Isso tem efeito na inflação, no preço dos alimentos, afeta tudo que fazemos. Está muito ligado ao nosso mandato”, disse em evento promovido pelo BIS (Bank for International Settlements).

LEIA: Economia, pandemia e crise

Segundo o titular do BC, os choques climáticos também podem afetar a taxa de juros e o mercado de crédito.

“Isso [mudanças climáticas] cria muitos desafios mas também muitas oportunidades”, afirmou. Para ele, a indústria de finanças sustentáveis pode ser ainda mais criativa e produtiva.

Campos Neto reiterou que a sociedade demanda que o crescimento econômico seja sustentável e inclusivo. “A maturidade da população nesse aspecto mudou completamente [nos últimos anos]”, pontuou.

LEIA: Retomada? PIB cresce 1,2% e atinge nível pré-pandemia

O presidente do BC lembrou que o tema era tratado em um departamento dentro da autarquia e recentemente foi ampliado para uma dimensão na agenda institucional.

“Se queremos realmente mudar a cultura não podemos ser só um departamento, porque [o tema] precisa estar na cabeça de todo mundo”, frisou.

“O primeiro dilema é que olhamos em volta e vemos medidas que se parecem mais com cartas de intenção. Se queremos ter resultados de forma transparente temos que fazer mais que uma carta de intenção e deixar que o mercado entenda dessa forma”, ponderou.

Fonte: Folha de S. Paulo

PDT convida senador Fabiano Contarato e frustra PT e Lula

No último dia 27, em Brasília, uma reunião entre o senador Fabiano Contarato (Rede-ES) e o ex-presidente Lula acabou frustrada. Havia a expectativa entre o PT-ES de que essa reunião sacramentasse a filiação de Contarato ao partido, colocando o senador entre os pré-candidatos ao governo do Espírito Santo.

Leia a matéria completa aqui.

LEIA: Governador João Doria veta Copa América em São Paulo, diz jornal

Bolsonaro zomba dos pobres e dos insatisfeitos

Jair Bolsonaro resolveu debochar das cobranças pela prorrogação do auxílio emergencial. Com o país à beira de mais um ciclo mortífero, o presidente disse que não tem culpa pela “situação difícil em que se encontra a população”, uma vez que não é o responsável pelas medidas de restrição implantadas até aqui.

Leia a matéria completa aqui.

LEIA: Morte suspeita de homem após ato contra Bolsonaro choca amigos em SP

Cidadania aciona PGR contra Bolsonaro e Pazuello por recusa de vacinas

O Cidadania entrou com representação, na última semana, na Procuradoria-Geral da República contra o presidente Jair Bolsonaro e o ex-ministro Eduardo Pazuello por prevaricação e improbidade administrativa no enfrentamento da pandemia com base no depoimento do diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, à CPI da Covid.

Leia a matéria completa aqui.

LEIA: STF manda Bolsonaro explicar Copa América no Brasil

EUA vai executar presos com mesmo gás usado por nazistas

O estado do Arizona , nos Estados Unidos, está armazenando gases letais antes da retomada das execuções planejadas dos presos que estão no corredor da morte . Um dos gases é o Zyklon B , usado pelos nazistas para matar quase um milhão de judeus em Auschwitz.

Leia a matéria completa aqui.

ASSISTA: Vídeo: Luis Roberto diz que Copa América no Brasil é “tapa na cara dos brasileiros!”

Retomada? PIB cresce 1,2% e atinge nível pré-pandemia

O PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro cresceu 1,2% no 1º trimestre de 2021 em comparação com o 4º do ano passado. O resultado garantiu o retorno do PIB ao nível pré-pandemia de covid-19. Os dados divulgados pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) surpreenderam economistas, mas são vistos com cautela, já que a retomada econômica mais sólida neste ano ainda depende de alguns fatores: A) vanço na vacinação, B) controle da crise sanitária provocada pelo novo coronavírus e C) aquecimento do setor de serviços.

Leia a matéria completa aqui.

LEIA: Campeão mundial de F1, Lewis Hamilton apoia protestos no Brasil

Veja mais notícias no BRI.

Facebook Comments Box
Compartilhe

Written by:

58 Posts

View All Posts
Follow Me :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *