Ex-ministro da Fazenda, Ciro Gomes critica autonomia do Banco Central

Nas suas redes sociais, o ex-ministro da Fazenda do Governo Itamar Franco e pré-candidato à presidência, Ciro Gomes detonou na manhã desta quarta-feira a proposta em discussão na Câmara Federal que trata da autonomia do Banco Central.

Candidato Ciro Gomes durante sabatina no Correio Braziliense. Brasilia 06-06-18. Foto: Sérgio Lima/Poder 360

Ciro chamou o Governo Bolsonaro de “quadrilha” e criticou a falta de debate da matéria no Congresso Nacional.

O ex-governador do Ceará, que é pré-candidato à Presidência da República, alertou que se aprovado, o projeto prevê que o BC poderá atuar de forma autônoma perante o Governo Federal eleito.

“Crédito, juros, inflação, cambio, financiamento da infraestrutura do País, tudo que é essencial, portanto nível de atividade econômica, empregos, salários , TUDO passa a ser controlado, na prática, pelos diretores do Banco Central (paus mandados dos bancos há mais de 20 anos). Vc vai poder votar pra presidente mas o presidente eleito não vai poder controlar o Banco Central”, disse Ciro.

Alfinetada

No texto, Ciro Gomes faz uma provocação aos “animadores de auditório” que nas palavras de Ciro “trabalham para distrair a nossa sofrida Nação”.

Será que Ciro estaria falando de seu provável rival na disputa presidencial Luciano Huck?

Compartilhe

Written by:

1.631 Posts

Siga nossas redes! https://linktr.ee/brasilindependente
View All Posts
Follow Me :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.