VÍDEO: Bolsonaro simula falta de ar e debocha de quase 300 mil mortos

Bolsonaro simula falta de ar – Em live nesta quinta (18), Bolsonaro criticou o ex-ministro da Saúde Henrique Mandetta e simulou uma falta de ar, zombando os quase 300 mil brasileiros mortos por covid-19 no país.

“Se começar a sentir um negócio esquisito lá, você segue a receita do ministro Mandetta: você vai para casa, quando tiver [imita uma pessoa sufocada] falta de ar, você vai para o hospital”, disse Bolsonaro.

Veja o vídeo de Bolsonaro simulando falta de ar:

Pandemia explode no Brasil e colapsa sistema de saúde em vários estados

Filas de leitos na UTI explodem no Brasil e SUS já entrou em colapso em quase todos os estados no país

A pandemia de coronavírus se agrava a cada dia no Brasil e o sistema de saúde de dezenas de estados já entrou em colapso total, com filas e mais filas se acumulando de pacientes em busca de uma vaga de UTI.

Só na cidade de São Paulo, a fila de espera por uma UTI cresceu de 395 pessoas para quase 500 em apenas um dia. Nesta quinta-feira (18), o prefeito Bruno Covas (PSDB) noticiou a primeira morte por falta de leito na capital.

Na região do Alto Tietê também foi noticiada a primeira morte por falta de leito. A vítima era de Poá e estava na fila da Central de Regulação de Oferta de Serviços de Saúde (Cross), esperando para uma transferência.

O colapso já atinge toda a região, como Suzano, onde pacientes estão em poltronas, e Itaquaquecetuba e Biritiba Mirim, onde já faltam até máscaras de oxigênio.

Outros estados relatam situação semelhante, como é o caso da Bahia. Segundo a Secretária de Saúde do estado, a fila a espera de um leito se aproxima de 100 pacientes.

Veja a matéria completa aqui.

Veja mais notícias no Brasil Independente.

 

Compartilhe

Written by:

1.690 Posts

Siga nossas redes! https://linktr.ee/brasilindependente
View All Posts
Follow Me :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.