Senador sobre Bolsonaro a empresários: “CPI da Covid não vai dar em nada”

O senador Ciro Nogueira (PP-PI) se reuniu com empresários e banqueiros em São Paulo e foi taxativo: a CPI da Covid “não vai dar em nada” para o presidente Jair Bolsonaro. Ciro integra a CPI e é um dos principais defensores do governo no Senado.

No encontro, ele tentou tranquilizar os convidados sobre o andamento das investigações contra Bolsonaro. Estavam presentes acionistas e executivos de bancos como Bradesco, Itaú e BTG, além de varejistas e industriais.

Segundo o senador, empresários e a imprensa estão superdimensionando o papel do senador Renan Calheiros (MDB-AL) como relator da CPI, embora o governo tenha feito todo o possível para evitar que Renan assumisse a relatoria da comissão, temendo os estragos que Calheiros poderia causar ao governo.

Ciro Nogueira disse que o relator pode até fazer um relatório reunindo graves acusações contra o presidente. Neste caso, a bancada do governo apresentará um relatório divergente —e se estabelecerá uma guerra de versões.

“Não vai dar em nada”

Mas o senador governista garante: ainda que o relatório de Renan Calheiros seja aprovado, nada acontecerá —muito menos o impeachment. Por um motivo simples: o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), não deixará nenhum pedido de afastamento de Bolsonaro ser discutido, funcionando como uma sólida barreira.

O Nogueira rebateu também eventuais críticas de que não defende o governo com a ênfase necessária. Disse que seu estilo é outro: ninguém vai vê-lo batendo na mesa, gritando e xingando adversários. Mas sim resolvendo os problemas.

Bolsonarista, Ciro Nogueira foi base do PT

O parlamentar rasgou elogios a Bolsonaro, afirmando que é o político mais bem intencionado que já conheceu desde que entrou na política. Ciro já apoiou também os governos de Lula e Dilma.

Ciro estava com os deputados Luiz Antonio Teixeira Junior (PP-RJ), o doutor Luizinho, Cacá Leão (PP-BA) e Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), relator da reforma tributária.

Fonte: Folha de S. Paulo

Cachorro chora em velório de dona na Bahia e causa comoção

Um cachorro chamou a atenção no velório da tutora dele em Camaçari (BA), na região metropolitana de Salvador. Toy, como o animal é chamado, ficava ao lado do caixão de Luzinete Lopes Diniz e não parava de chorar.

Leia a matéria completa aqui.

PDT aciona STF contra acordos individuais de redução de salário

O PDT enviou ao Supremo Tribunal Federal (STF) uma ação direta de inconstitucionalidade em que pede a suspensão de artigo de medida provisória assinada por Jair Bolsonaro nesta quarta-feira (28) que prevê nova flexibilização das regras trabalhistas diante do agravamento da pandemia da Covid-19, como acordos individuais de redução de jornada e salário entre trabalhadores e empresas.

Leia a matéria completa aqui.

Ciro, Kalil, Mandetta e França participam de debate na CSB nesta sexta

Uma live promovida pela Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB), hoje às 19h, reúne nada menos que o ex-ministro Ciro Gomes (PDT),  o prefeito de Belo Horizonte Alexandre Kalil (PSD), o ex-ministro Luiz Henrique Mandetta (DEM), e o ex-governador de São Paulo Márcio França (PSB). 

Leia a matéria completa aqui.

Trabalhadores franceses sequestram gerentes da Renault para evitar demissão

Uma fábrica da Renault, na cidade de Lorient, ‘sequestraram’ sete gerentes para evitar a própria demissão, devido ao recente anúncio de que a unidade será fechada, na última terça-feira (27).

Leia a matéria completa aqui.

Em 1º vídeo sobre sua vida, Ciro Gomes lembra infância e juventude

No 1º episódio, Ciro fala sobre a a sua infância e sobre o curioso fato de ter nascido em Pindamonhangaba, no interior de São Paulo, mesmo cidade em que nasceu Geraldo Alckmin (SP), a quem chamou de amigo.

Leia a matéria completa aqui.

Marco Feliciano compara CPI da Covid à câmara de gás nazista

O deputado federal Marco Feliciano (Republicanos-SP) comparou a CPI da Covid, instalada no Senado para investigar possíveis crimes do governo de Jair Bolsonaro (sem partido), nesta quarta-feira (28), a um método nazista de extermínio de judeus durante segunda Guerra Mundial. “Não é uma CPI. É uma câmara de gás”, escreveu o pastor bolsonarista no Twitter.

Leia a matéria completa aqui.

Veja mais notícias no BRI.

Compartilhe

Written by:

1.631 Posts

Siga nossas redes! https://linktr.ee/brasilindependente
View All Posts
Follow Me :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.