Ratinho pede intervenção militar na TV; Suplicy pede prisão do apresentador

O apresentador Carlos Massa, o Ratinho, utilizou o espaço que possui no SBT, uma concessão pública do Estado brasileiro, para pedir uma intervenção militar, criticar a Constituição Federal e defender políticas higienistas contra moradores de rua.

“O que vou falar pode até chocar, mas está na hora de fazer igual fez em Singapura. Entrou um general, consertou o país e, um ano depois, fez eleições. Mas primeiro chamou todos denunciados e disse: ‘vocês têm 24 horas para deixar o país ou serão fuzilados’, afirmou, para revolta de ativistas, artistas e políticos.

O vereador Eduardo Suplicy (PT-SP) chegou a pedir a prisão do apresentador. “Por suas declarações em favor da ditadura militar, Ratinho está a merecer punição semelhante à do deputado Daniel Silveira”, disse o vereador paulistano.

“Desafio Ratinho a realizar um debate em que ele venha a defender a volta dos militares ao poder no Brasil, como aconteceu de 1964 em diante, na ditadura militar, e a extinção por expulsão da população de rua, por meio da força e das armas, em que eu tenha a oportunidade de defender a democracia e a instituições que signifiquem a realização da justiça”, desafiou o ex-senador.

Ratinho, vale lembrar, deve mais de R$ 80 milhões em impostos à União através de 3 empresas que possui e que tem como sócios a esposa e o filho, o governador do Paraná, Ratinho Jr.

Compartilhe

Written by:

1.631 Posts

Siga nossas redes! https://linktr.ee/brasilindependente
View All Posts
Follow Me :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.