Polícia Federal abre investigação sobre o ‘escândalo Covaxin’

Escândalo Covaxin – Matéria publicada pelo G1 e assinada por Wellington Hanna aponta que a Polícia Federal abriu um inquérito nesta quarta-feira (30) para investigar se houve crime nas negociações de aquisição da vacina contra a Covid-19 Covaxin, produzida na Índia.

As negociações para aquisição da Covaxin também são alvos do Ministério Público e da CPI da Covid. O imunizante é o mais caro negociado pelo governo até agora, e o contrato foi firmado entre o Ministério da Saúde e a Precisa Medicamentos, empresa sem relação com a indústria de vacinas e que intermediou as negociações.

Também nesta quarta, a Procuradoria da República no Distrito Federal abriu uma apuração criminal para apuar as negociações.

CPI da Covid

Em depoimento à CPI da Covid, na semana passada, o deputado Luis Miranda (DEM-DF) e o irmão dele, Luis Ricardo Miranda, servidor do Ministério da Saúde, disseram ter relatado ao presidente Jair Bolsonaro as suspeitas envolvendo a Covaxin. Segundo eles, a reunião aconteceu em março deste ano.

Segundo Luis Miranda, ao ouvir o relato, Bolsonaro citou o nome do deputado Ricardo Barros (PP-PR), líder do governo na Câmara. Barros nega envolvimento em irregularidades.

OUTRAS NOTÍCIAS:

LEIA: Thiago Manga: “Bolsonaro é um psicopata vil e genocida. Basta!”
ASSISTA: Vídeo: Ricardo Barros pressionou Anvisa para liberar Covaxin

LEIA: Wizard entrega passaporte à PF ao chegar ao Brasil; CPI na 4ª
LEIA: Conheça Ricardo Barros, apontado em CPI como pivô do escândalo Covaxin

Um dia antes do depoimento do irmãos Miranda à CPI, Bolsonaro disse em uma rede social que teve uma reunião com o deputado Luis Miranda, mas negou ter sido avisado sobre as suspeitas.

À Procuradoria Geral da República, porém, o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello disse ter sido avisado por Bolsonaro e que o ministério não encontrou irregularidades.

OUTRAS NOTÍCIAS:

LEIA: Em meio a escândalo, Anvisa recebe pedido de uso emergencial para Covaxin
LEIA: Ex-mulher de Pazuello: “Na crise de Manaus, por ele só comprava saco preto”
LEIA: Miranda dá entrevista: “Vão descobrir que R$ 1,6 bilhão não é nada”; veja

RECEBA NO SEU CELULAR AS NOTÍCIAS MAIS IMPORTANTES DO DIA

Telegram: AQUI
Whatsapp: AQUI

SE VOCÊ APOIA O IMPEAHCMENT DE JAIR BOLSONARO, ENTRE NESSES GRUPOS:

Facebook: AQUI
WhatsApp: AQUI
Telegram: AQUI
Instagram: AQUI

LEIA: Covaxin: Flávio Bolsonaro abriu portas do BNDES para dono da Precisa, diz Veja
LEIA: Bolsonaro gastou 10x o valor de ponte para inaugurá-la
LEIA: Ricardo Salles pediu demissão após saber que seria preso

Luis Miranda: “Se Pazuello falasse o que me falou dentro de uma aeronave..”

O deputado federal Luis Miranda (DEM-DF) se manifestou nas redes sociais após a notícia de que a ex-mulher do ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, procurou a CPI da Covid para se oferecer como possível depoente.

Leia a matéria completa aqui.

Conversa com Bolsonaro foi gravada, sugere Miranda: ‘Vai ficar ruim’

Matéria do Estadão assinada pela jornalista Camila Turtelli informa que após depor por 7 horas e meia na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, o deputado Luis Miranda (DEM-DF) diz ter cumprido sua missão e estar tranquilo sobre a possibilidade de ser acusado de mentiroso pelo presidente da República, Jair Bolsonaro.

Leia a matéria completa aqui.

LEIA: Servidor do Ministério da Saúde depõe na CPI: “Meu partido é o SUS”

Ciro Gomes exige impeachment de Bolsonaro: ‘Vamos assistir de braços cruzados?’

O pré-candidato à presidência Ciro Gomes (PDT) foi às redes sociais na noite desta sexta-feira (26) e na manhã deste sábado (27) exigir em texto e vídeo que um processo de impeachment contra Jair Bolsonaro seja aceito na Câmara dos Deputados.

Leia a matéria completa aqui.

LEIA: Ciro Gomes ‘explode’ em pesquisa e chega a mais de 15%, diz Exame/Ideia

Impeachment de Bolsonaro: Centrão prepara desembarque, diz site

Nota de O Antagonista traz a ‘bomba’: “Em privado, chefões do Centrão já admitem a possibilidade de abandonar em breve o barco do governo”.

Leia a matéria completa aqui.

Indígenas recusam vacina após ação de pastores: “Marca da Besta”

Matéria do UOL assinada pelo jornalista Wanderley Preite Sobrinho informa que missionários evangélicos têm espalhado mentiras sobre a vacina contra a covid-19 em aldeias na região Norte do Brasil, segundo requerimento entregue à CPI da Covid.

Leia a matéria completa aqui.

LEIA: Daniel Silveira é preso de novo após tirar tornozeleira 30 vezes

Compartilhe

Written by:

1.631 Posts

Siga nossas redes! https://linktr.ee/brasilindependente
View All Posts
Follow Me :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.