“Não se combate crime, cometendo crime”, diz Gilmar Mendes ao votar contra Moro

O ministro Gilmar Mendes acaba de proferir seu voto pela suspeição do ex-juiz Sérgio Moro, devido sua atuação durante as investigações que culminaram na prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Durante seu voto o magistrado frisou que “não se combate crime, cometendo crime”. Durante seu voto, ainda em andamento, Gilmar considerou que há “absoluta contaminação da sentença” proferida por Moro. O julgamento dos ministros analisa se Moro foi parcial durante o processo de Lula. Gilmar considera que o ex-juiz da Lava Jato não agiu com imparcialidade no caso. “Dos fatos expostos neste caso concreto: indícios de uma parcialidade anunciada”, disse o ministro.

Foto: Montagem
Compartilhe

Written by:

1.631 Posts

Siga nossas redes! https://linktr.ee/brasilindependente
View All Posts
Follow Me :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.