Bolsonaro tem novo “consultor” econômico: Fernando Collor de Mello

Bolsonaro aparentemente ganhou mais um “assessor” para assuntos econômicos. Nesta segunda-feira (8), no Palácio do Planalto, o presidente comentou que uma reunião do Ministério da Economia para discutir o aumento do preço dos combustíveis contou com um inusitado “consultor”.

O ex-presidente e atual senador Fernando Collor (Pros-AL) foi convidado para participar e opinar sobre as decisões econômicas do Governo Bolsonaro.

“Hoje, estávamos reunidos com a equipe econômica do Paulo Guedes, vendo a questão do impacto desse novo reajuste do combustível, ao qual nós não temos como interferir e não pensamos em interferir na Petrobras, e apareceu o senhor Fernando Collor, ali, para tratar de um outro assunto, em um outro local, convidamos (ele) para a reunião. Ele participou de grande parte da mesma. E nos deu sugestões, sugestões bem-vindas e acolhidas por nós. E dessa forma, vamos governando”, disse Bolsonaro.

Bolsonaro e Collor mantém um bom relacionamento há anos / Foto: Alan Santos/PR

Vale lembrar que o governo Collor não possui um “currículo” econômico lá muito positivo, com polêmicas e escândalos como a inflação descontrolada e o sequestro das contas de poupança de milhões de brasileiros e brasileiras, numa “jogada” feita por Collor e sua equipe econômica em março de 1990.

Na prática, a medida não resolveu efetivamente nenhum problema econômico e gerou pânico e desespero no país inteiro.

A Petrobras anunciou um novo reajuste no preço dos combustíveis nas refinarias, para as distribuidoras, nesta segunda-feira (08). Os novos preços da gasolina, do óleo diesel e do gás de cozinha já começam a valer nesta terça-feira (09).

Combustível mais consumido pelos brasileiros, a gasolina terá um aumento de 8%.

Facebook Comments Box
Compartilhe

Written by:

1.377 Posts

View All Posts
Follow Me :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *