Ao atacar Ciro Gomes, site agride cristãos de todo o Brasil

Site agride cristãos – Por Samuel Novais – Em mais uma tentativa de espalhar notícias falsas contra adversários políticos, o blog Revista Fórum agrediu, nesta segunda-feira (21), a esmagadora maioria da população brasileira: os cristãos.

O objetivo era promover mais um ataque ao pré-candidato a Presidência da República, Ciro Gomes (PDT), que publicou um vídeo em suas redes sociais sobre a relação entre política e religião. Ciro aparece segurando dois livros: a Constituição Brasileira e a Bíblia Sagrada e deixou claro que o Estado é Laico, mas apontou duas mensagens cristãs que têm relação direta com a boa política.

Confira a mensagem completa e faça sua análise:

ASSISTA: Vídeo: Bolsonaro tira máscara e ofende jornalista: “Cala a boca!”
LEIA: Desaprovação de Bolsonaro bate recorde e supera 50%, diz pesquisa
LEIA: General Santos Cruz: Polarização Bolsonaro x Lula não interessa ao país
LEIA: Ciro no Flow: ‘Bolsonaro é assassino e será julgado no Tribunal de Haia’
LEIA: Metade dos jovens quer deixar Brasil por falta de perspectivas

Porém, a suposta análise do blog descambou para um show de ódio e desprezo pelos cristãos brasileiros. Após a repercussão do vídeo nas redes, a Revista Fórum publicou a seguinte manchete:

“Ciro Gomes estrangula o Estado Laico e acena para o fundamentalismo”.

O blog afirma que “Ciro coloca todos no mesmo balaio moral e religioso e se esquece da diversidade religiosa e espiritual presente no Brasil”. Porém, o blog é que coloca os cristãos no “mesmo balaio” dos extremistas ao insinuar que, ao falar aos cristãos, Ciro fala aos que perseguem religiões de matriz africana e a comunidade LGBT.

O texto, carregado de ódio e generalizações absurdas, mostra que parte da esquerda (leia-se PT e seus blogs financiados) despreza a fé da maior parcela da população brasileira e pretende anular qualquer aproximação da democracia com os cristãos.

LEIA: Boulos se irrita com pressão do PT: ‘postura de quem não quer unidade’
LEIA: Equipe eleitoral de Bolsonaro alerta para avanço de Ciro Gomes: “Lula ajuda”
LEIA: Centrais sindicais fazem ‘esquenta’ na véspera de protestos contra Bolsonaro
LEIA: BNDES financiou R$ 280 milhões a empresas que produzem cloroquina
LEIA: 19J: Manifesto da JS-SP pede povo unido por vacina, trabalho e fora Bolsonaro
LEIA: Witzel diz que Flávio Bolsonaro é ‘dono’ de hospitais federais do RJ

O combate à política desastrosa e genocida de Bolsonaro não pode se estender aos milhões de cristãos pobres, localizados nas favelas e nos sertões do país, que viram na igreja, nas escrituras da Bíblia Sagrada e na liderança religiosa, o único caminho para enfrentar uma vida difícil de desemprego, depressão, secas, fome, criminalidade e outras mazelas do nosso cotidiano, pois as lideranças políticas da democracia brasileira foram incapazes, até o momento, de dar um fim a esses problemas da nossa sociedade. Negar essa realidade é excluir quase 90% do povo brasileiro do debate sobre o que precisamos encarar de frente para o mudar a situação atual do Brasil.

É importante entender que há uma diferença enorme entre se aproximar dos bons valores do cristianismo e se render à fundamentalistas religiosos contra outras religiões, como fazem Bolsonaro e seus seguidores mais fanáticos.

Cabe lembrar que o fundamentalismo religioso perde boa parte de sua força estando fora do poder político e, no vídeo de hoje, Ciro Gomes não sinalizou que dará cargos aos extremistas caso se eleja presidente, como fez o PT ao nomear Marcelo Crivella como Ministro da Pesca e Agricultura, no governo Dilma. Crivella é o principal símbolo do bolsonarismo na gestão pública no Rio de Janeiro e recebeu também o apoio do ex-presidente Lula, ao se candidatar ao governo do Rio em 2006.

LEIA: Líder de caminhoneiros ameaça greve: “Estamos no limite”
LEIA: Diversos partidos se reúnem e anunciam: ‘nem Lula, nem Bolsonaro’
LEIA: Flávio Dino: ‘Não excluo Ciro Gomes e PDT de qualquer debate’
LEIA: Luciano Huck desiste da presidência em 22 e terá domingo na Globo

Ao usar seus blogs satélites para atacar os cristãos e Ciro Gomes por buscarem aproximação, a cúpula do PT dá mais um sinal que, por trás do discurso em favor dos pobres, há um ódio profundo e sentimento de vingança contra tudo o que compõe o dia-a-dia do povo brasileiro, incluindo a sua religiosidade.

Para que você, cristão, entenda que esse ódio não é aceito na esquerda, existem movimentos como o Cristãos Trabalhistas – PDT, que une pessoas de todo o Brasil, em torno do trabalhismo e do Evangelho de Cristo!

Acompanhe o movimento em suas redes sociais:

Twitter: https://twitter.com/cristaostrabpdt

Facebook: https://www.facebook.com/cristaos.trabalhistas

Fonte: Guia Ponto Novo

Este texto é opinativo e não reflete, necessariamente, a opinião do site Brasil Independente.

Governo quer flexibilizar validade de alimentos no Brasil

Em um aceno ao setor de supermercados, o governo vai criar um grupo de trabalho para avaliar proposta de flexibilização da regra que trata da validade de alimentos no Brasil. A sugestão é adotar modelo que permita vendas de baixo custo e doações a partir de determinado prazo.

Leia a matéria completa aqui.

LEIA: Wilson Witzel diz que é perseguido por investigar morte de Marielle
LEIA: Witzel diz que revelará ‘fato gravíssimo’ contra Bolsonaro em reunião sigilosa

Witzel: Milícia atua na máfia da saúde no RJ; ‘Corro risco de vida’

Em depoimento à CPI da Covid nesta quarta-feira (16) no Senado, o ex-governador do Estado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, afirmou que ele e sua família correm risco de vida e que seu impeachment foi financiado por uma máfia na área de saúde.

Leia a matéria completa aqui.

LEIA: Casal acusa jovem negro de roubo, é denunciado por racismo e demitido

Sociólogo diz que desistência de Huck ‘beneficia centro-esquerda’

Em entrevista publicada no Estadão e assinada pelo jornalista Pedro Venceslau, o especialista em pesquisas eleitorais, sociólogo Antonio Lavareda, presidente do conselho do Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (Ipespe), disse que os partidos que buscam uma “terceira via” nas eleições presidenciais de 2022, como alternativa à polarização entre o presidente Jair Bolsonaro e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), precisam encontrar um nome que atinja os dois dígitos nas pesquisas de intenção de voto até o início do ano que vem.

Leia a matéria completa aqui.

LEIA: Kalil não descarta ser vice de Ciro Gomes: “É um ótimo nome”

Veja mais notícias no BRI.

Compartilhe

Written by:

1.708 Posts

Siga nossas redes! https://linktr.ee/brasilindependente
View All Posts
Follow Me :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.