Suspeito de infecção por cepa indiana circulou por horas em Guarulhos sem restrição

Segundo o prefeito Guti, o homem veio da Índia e fez escala no Aeroporto de Cumbica, onde rodou por cerca de duas horas

O homem suspeito de infecção pela variante indiana do coronavírus que está sendo monitorado no Rio de Janeiro é acompanhado de perto também pelas autoridades de Guarulhos (SP). Segundo o prefeito Guti, o rapaz veio da Índia e fez escala no Aeroporto de Cumbica, onde circulou livremente, sem restrição alguma, por cerca de duas horas. A informação foi confirmada durante o programa Manhã Bandeirantes.

“A cidade não pode agir dentro do aeroporto. Por isso esse caso é um ‘problemaço’. Esse passageiro desceu aqui, rodou no aeroporto sem restrição alguma – o que é um erro da empresa que opera o local, não tê-lo mantido em uma sala específica – e rodou por duas horas. Ele deve ter feito uma refeição, falado com alguém. E praticamente todo mundo que está ali nos restaurantes ou nas lojas mora em Guarulhos. Grande parte dos trabalhadores mora aqui”, disse Guti em entrevista à Rádio Bandeirantes nesta terça-feira (25).

“É um problema para a cidade quando esse isolamento não é feito de maneira adequada (…). O fato é que o aeroporto hoje não tem a forma ideal para mapear e isolar quem pode chegar de outras regiões com novas cepas”, criticou.

O homem em questão é um morador de Campos dos Goytacazes (RJ) que voltou da Índia, onde estava a trabalho, no sábado (22). Ao desembarcar, sem sintomas, ele foi submetido a um teste RT-PCR, cujo resultado foi positivo. Enquanto aguardava esse resultado, no entanto, ele não foi isolado pelas equipes locais.

O teste foi enviado para um laboratório, onde um sequenciamento genômico poderá detectar, em cerca de 10 dias, a qual variante o vírus pertence. O homem seguiu de avião para a capital fluminense, onde passou a noite em um hotel, e foi de carro para Campos dos Goytacazes, onde cumpre quarentena.

Fonte: Band News

Facebook Comments Box
Compartilhe

Written by:

1.338 Posts

View All Posts
Follow Me :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *