Pfizer: Carlos Bolsonaro e Filipe Martins estavam em reunião com Wajngarten

O gerente-geral da Pfizer para a América Latina, Carlos Murillo, confirmou, nesta quinta-feira (13/5), que o vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ), filho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), participou de uma reunião da empresa com o ex-secretário de Comunicação da Presidência Fabio Wajngarten, em 7 de dezembro de 2020.

Segundo Murillo, quem também esteve no encontro foi o assessor especial da Presidência da República Filipe Garcia Martins. Recentemente, ele foi alvo de inquérito da Polícia Legislativa do Senado Federal, que confirmou a conotação racista de seu ato durante sessão plenária da Casa.

Segundo relatório de representantes da Pfizer, os dois chegaram uma hora depois do início da reunião. Wajngarten teria recebido uma ligação e, na sequência, eles chegaram. “Carlos Bolsonaro ficou brevemente na sala e saiu e Filipe permaneceu”, explicou.

Em depoimento, Wajngarten disse inicialmente não lembrar quem estava na reunião, mas afirmou que Martins e Bolsonaro não estariam.

Em seu depoimento, o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta afirmou que o Palácio do Planalto tinha equipe de “assessoramento paralelo” para enfrentamento da pandemia e que Carlos Bolsonaro participava das reuniões “tomando notas”.

Fonte: Metrópoles

PDT oficializa movimento Cristãos Trabalhistas em todo o país

Na manhã desta quinta-feira (13), o Partido Democrático Trabalhista (PDT), através da figura do seu presidente nacional, Carlos Lupi, oficializou a criação do movimento Cristãos Trabalhistas, que será presidido pelo pastor catarinense Alexandre Gonçalves.

Leia a matéria completa aqui.

Vídeo: PM reprime manifestantes contra Bolsonaro em Alagoas

Manifestantes fecharam uma via de acesso ao aeroporto de Maceió para protestar contra a chegada do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ao Alagoas e foram duramente reprimidos pela Polícia Militar (PM).

Assista o vídeo e leia a matéria completa aqui.

Aprovação de Bolsonaro é a pior da história e rejeição chega a 45%

O governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) tem a aprovação de 24% dos brasileiros, a pior marca de seu mandato até aqui, segundo pesquisa do instituto Datafolha, enquanto os que rejeitam o governo, considerando-o ruim ou péssimo, eram 44% e são 45%.

Leia a matéria completa aqui.

The Intercept: Lula deixa negros, mulheres e trans fora de conversas para 2022

Uma reportagem do jornal The Intercept afirma de forma incisiva que negros, mulheres cis e mulheres e homens trans foram deixados de fora das articulações feitas pelo ex-presidente Lula (PT) nas últimas semanas para as eleições de 2022. Lula foi a reuniões com caciques sobretudo do Nordeste do país, como Renan Calheiros (MDB-AL), Eunício de Oliveira (MDB-CE) e José Sarney (MDB-MA), em busca de apoio para as eleições do ano que vem.

Leia a matéria completa aqui.

Thiago Manga: “Me cobrem: vai dar Ciro x Lula”

A pesquisa Datafolha divulgada nesta quarta-feira (12) alvoroçou a militância virtual. Ela aponta para uma vitória tanto de Ciro Gomes (PDT) quanto de Lula (PT) caso enfrentem Jair Bolsonaro em um eventual segundo turno, nas eleições de 2022. Lula cresceu no voto de primeiro turno, fazendo com que os lulopetistas comemorassem como se tivessem vencido a eleição. Enquanto isso, alguns ciristas mostraram desânimo.

Leia a matéria completa aqui.

Datafolha aponta vitória de Ciro e Lula contra Bolsonaro em 2022

Uma pesquisa Datafolha divulgada na noite desta quarta-feira (12) aponta para uma vitória tanto de Ciro Gomes (PDT) quanto de Lula (PT) caso enfrentem Jair Bolsonaro (sem partido) em um eventual segundo turno, nas eleições de 2022.

Leia a matéria completa aqui.

CPI envia ao MPF denúncia de crime de falso testemunho contra Wajngarten

O presidente da CPI da Covid, Omar Aziz (PSD-AM), informou nesta quarta-feira (12) que enviará ao Ministério Público Federal (MPF) o depoimento do ex-secretário de Comunicação da Presidência, Fabio Wajngarten, prestado à comissão para que se avalie uma denúncia de crime de falso testemunho contra Wajngarten.

Leia a matéria completa aqui.

Vídeo: Flávio Bolsonaro defende Wajgarten e chama Renan Calheiros de “vagabundo”

O senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) xingou o relator da CPI da Covid, Renan Calheiros (MDB-AL),  de ‘vagabundo’ ao defender a ‘honestidade’ de Fabio Wajngarten durante o depoimento de Wajngarten na comissão, que acabou suspensa pelo presidente da comissão, o senador Omar Aziz (PSD-AM). “Vagabundo é você que roubou na ‘rachadinha’”, devolveu Renan Calheiros.

Assista o vídeo e leia a matéria completa aqui.

Veja mais notícias no BRI.

Facebook Comments Box
Compartilhe

Written by:

1.377 Posts

View All Posts
Follow Me :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *