Diretor-geral da OIT envia vídeo a Centrais Sindicais: “Ninguém está a salvo até que todos estejamos a salvo”

Diretor-geral da OIT (Organização Internacional do Trabalho), Guy Rider gravou uma mensagem especialmente para a live do 1º de Maio das Centrais Sindicais Pela Vida, Democracia, Emprego, Vacina Para todos Já e Auxílio Emergencial de R$ 600,00. No vídeo, Rider fala da gravidade das consequências da pandemia ao mundo do trabalho, destaca a solidariedade e faz apelo a união de esforços para construir um mundo do trabalho mais justo e mais digno.

Somente na América Latina, em pouco mais de um ano de pandemia, 26 milhões de e postos de trabalho foram fechados e mais 2,7 milhões de empresas fecharam suas portas, com o consequente do aumento da pobreza e das desigualdades, segundo dados do escritório da OIT para América Latina e Caribe.

A seguir, a íntegra da mensagem do diretor-geral da OIT às Centrais brasileiras

“Este ano celebramos de novo o Primeiro de Maio, Dia Internacional do Trabalhador, sob o espectro da pandemia de Covid-19. A pandemia teve efeitos devastadores no mundo do trabalho, destruindo empregos, empresas e meios de subsistência. Submetendo milhões de pessoas à pobreza e provocando um retrocesso no desenvolvimento mundial. E, como na maioria das crises, golpeou principalmente os mais frágeis e vulneráveis, fazendo com que o mundo desigual seja ainda mais desigual.

A pandemia e suas consequências são um lembrete contundente da interdependência que existe em escala mundial, e isso se aplica tanto à saúde quanto à nossa vida profissional. Ninguém está a salvo até que todos estejamos a salvo. E ninguém pode se permitir ser indiferente diante da situação dos demais, frente à fragilidade do mundo interdependente que criamos.

A solidariedade é a chave para a nossa sobrevivência e prosperidade comum dentro e fora das fronteiras de cada país. Portanto, enquanto encaramos a crise atual e olhamos em direção ao futuro, uma coisa está clara: precisamos de uma recuperação centrada nas pessoas, com justiça e igualdade. Uma recuperação sustentável e inclusiva para todos.

Conseguir uma melhor reconstrução implica: adotar decisões políticas deliberadas e atuais, que permitam gerar emprego e garantir condições de trabalho digno para todos; estender a proteção social; proteger os direitos dos trabalhadores; e fazer uso do diálogo social.

Neste Dia do Trabalhador, recordamos as lutas históricas que obtiveram vitórias duramente conquistadas. Hoje, novamente, muitas pessoas no mundo do trabalho estão realizando sacrifícios extraordinários para vencer a Covid-19. Nós as saudamos, ao mesmo tempo que choramos por todos aqueles que perderam a vida.

Mas nunca, nunca, devemos sacrificar nossos valores de justiça social, nossos direitos fundamentais no trabalho nem nossa determinação de criar um futuro melhor. Um futuro melhor é o que dê um sentido e motivação a todos aqueles que têm celebrado o Dia do Trabalhador no mundo por tantos anos.

De muitas maneiras, a pandemia entristeceu nossas vidas e dificultou a tarefa. Mas, por outro lado, ela trouxe consigo novas oportunidades que podemos e devemos aproveitar. O desenvolvimento da crise nos oferece um espaço para refletir, fazer novas escolhas e adotar novos compromissos pelo bem das pessoas, do planeta e da prosperidade.

Neste Dia Internacional do Trabalhador, a OIT faz um chamado aos trabalhadores, aos empregadores, aos governos e às organizações internacionais, assim como a todos aqueles que estão comprometidos em conseguir a melhor reconstrução: para que unam esforços a fim de obter um mundo de trabalho com justiça e dignidade para todos.”

Confira o vídeo:

Fonte: CSB

Depois de Renan e Eunício, Lula encontra Sarney mirando 2022

O ex-presidente Lula (PT) continua a receber caciques da “velha política” em busca de apoio para as eleições de 2022 e depois de Renan Calheiros (MDB-AL) e Eunício de Oliveira (MDB-CE), foi a vez do ex-presidente José Sarney ser recebido pelo petista.

Leia a matéria completa aqui.

Ciro Gomes denuncia racismo estrutural em novo filmete

O ex-ministro Ciro Gomes (PDT) denunciou o racismo estrutural brasileiro em novo filmete, publicado na tarde desta quinta-feira (06) nas redes sociais do presidenciável pedetista “60% das brasileiras e brasileiros são negros e pardos, que ainda sofrem nos dias de hoje os efeitos tardios da escravidão. São os que ganham menos, são os mais perseguidos e os mais expostos à violência”, aponta Ciro.

Veja o vídeo e leia a matéria completa aqui.

PDT entra no STF com notícia-crime contra Bolsonaro por charlatanismo

O Partido Democrático Trabalhista (PDT) entrou com uma notícia-crime, no Supremo Tribunal Federal (STF), nesta quinta-feira (6/5), contra o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido). A legenda argumenta que o chefe do Executivo deve ser responsabilizado pelo crime de “charlatanismo”.

Leia a matéria completa aqui.

Hospital da família de ministro da Saúde é reativado com dinheiro público, diz site

Fundado pela família da esposa do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, o Hospital Santa Paula, em João Pessoa (PB), fechou as portas em 2012 por problemas financeiros. No ano passado, porém, o governo da Paraíba reativou a unidade hospitalar para ampliar a capacidade do estado no enfrentamento à Covid, ao custo de R$ 2,5 milhões.

Leia a matéria completa aqui.

Por conta de CPI, Carlos Bolsonaro sugere radicalização de discurso do pai

Com a pressão da CPI da Covid sobre o Palácio do Planalto, Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ) retomou as rédeas da narrativa do presidente Jair Bolsonaro. O vereador passou duas semanas em Brasília, retornando ao Rio na última sexta-feira. No período na capital federal, esteve diversas vezes com o pai no gabinete presidencial e ajudou a rever a estratégia de comunicação do governo, fechando-se ainda mais para a imprensa e com foco nas redes sociais. Como em outros momentos de crise, Carlos, mais uma vez, aconselhou o presidente a partir para o confronto que agrada à militância ideológica e ajuda a desviar o foco dos problemas do governo.

Leia a matéria completa aqui.

Veja mais notícias no BRI.

Compartilhe

Written by:

1.690 Posts

Siga nossas redes! https://linktr.ee/brasilindependente
View All Posts
Follow Me :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.