Centrais sindicais apresentam pauta única ao Congresso Nacional

Centrais Sindicais vão ao Congresso Nacional – Centrais sindicais entregarão aos presidente Arthur Lira (Câmara) e Rodrigo Pacheco (Senado) uma lista com 24 propostas em discussão no Congresso que consideram merecer atenção prioritária. É a 1ª vez que as centrais desenvolvem uma agenda conjunta sobre propostas em discussão no Legislativo.

A lista será entregue depois de uma manifestação programada para a 4ª feira (24.mai.2021) na Esplanada dos Ministérios, em Brasília. Eis a íntegra do documento (2 MB).

OUÇA: Áudio: ‘Capitã Cloroquina’ diz que Fiocruz “tem pênis na porta, tapetes são do Che Guevara”

Tradicionalmente, as centrais sempre dialogam em torno de pautas em comum. Mas a ação inédita de divulgar uma agenda prioritária é resultado da falta de interlocução do governo com os representantes dos trabalhadores. Com o fim do Ministério do Trabalho, Bolsonaro conseguiu unir movimentos de interesses conflitantes em torno de uma pauta em comum.

Assinam a proposta  CSBCUTForça SindicalUGT, NCSTCTBPública, CGTB, Intersindical e CSP Conlutas.

 

Entre os projetos citados, 19 estão em tramitação na Câmara e 5 no Senado. Nem todos os projetos citados na lista têm aceitação das centrais. Há 12 textos que as organizações são contra.

Dentre aquelas que elas apoiam, o Poder360 destaca:

  • aumento do auxílio: ampliar, de R$ 250 (valor intermediário) para R$ 600, e de 40 milhões de pessoas para 70 milhões;
  • proteção ao emprego: extensão do Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda;
  • teto de gastos: exclusão de educação, saúde e segurança pública da regra do teto.

LEIA: Assustados, funcionários da Cultura denunciam: Mario Frias anda armado e grita

Elaborada em conjunto com o Diap (Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar), a Agenda é um “documento de resistência e atuação propositiva junto ao Congresso Nacional, que traz o posicionamento e faz propostas do movimento sindical”, afirmam as centrais, em nota.

Até 2018, as centrais tinham facilidade em expor seus pleitos ao governo. Mas eram mais subdivididas. Agora, elas têm que dançar em sincronia para não serem esmagadas pela agenda do governo. O Congresso virou refúgio. Unidas, buscam evitar um desamparo e marcar suas posições de classe.

O ato pré-divulgação da lista será realizado na Esplanada dos Ministérios. Segundo o movimento, será evitado uma aglomeração de pessoas por causa da pandemia de covid-19. Afirma que será seguido todos os protocolos sanitários para evitar contágio e propagação do coronavírus.

Fonte: Poder 360

Presidente da CPI: “Se Pazuello mentir de novo, sairá algemado”

O presidente da Comissão de Inquérito Parlamentar (CPI) da Covid-19, Omar Aziz (PSD), afirmou nesta segunda-feira, em entrevista ao site UOL, que se o ex-ministro da Sáude, Eduardo Pazuello , “mentir de novo à comissão sairá algemado da sessão”. Será votado nessa quarta-feira (26) o requerimento para Pazuello retornar à CPI .

Leia a matéria completa aqui.

Ciro Gomes: ‘Amplo diálogo de todos com todos, menos os fascistas’

O presidenciável Ciro Gomes (PDT) publicou um artigo na Carta Capital em que faz propostas e ponderações sobre como desenvolver o Brasil e tirar o país da sua maior crise econômica da história. “Amplíssimo diálogo de todos com todos, menos os fascistas”, defende Ciro Gomes.

Leia a matéria completa aqui.

‘Capitã Cloroquina’ compartilha post pró-cloroquina antes de ir à CPI da Covid

A secretária Mayra Pinheiro, que presta depoimento na CPI da Covid neste momento, aproveitou a véspera de seu depoimento para defender a cloroquina pela boca de outras pessoas.

Leia a matéria completa aqui.

Vídeo: ‘Profeta’ Daciolo previu queda de estátua da Havan

Uma ventania derrubou uma das estátua da loja Havan em Capão da Canoa, no litoral do Rio Grande do Sul, nesta segunda-feira (24), e internautas então recuperaram um vídeo antigo de cabo Daciolo em que o candidato à presidência do país em 2018 dizia que elas iriam cair “uma por uma”.

Assista e leia a matéria completa aqui.

Protesto pró-Bolsonaro ocorrido domingo no RJ foi ‘pago’, afirma site

O site O Antagonista afirma em matéria publicada nesta segunda-feira (24) que o protesto pró-Bolsonaro ocorrido domingo no Rio de Janeiro foi ‘pago’.

Leia a matéria completa aqui.

Veja mais notícias no BRI.

Facebook Comments Box
Compartilhe

Written by:

1.338 Posts

View All Posts
Follow Me :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *