Capital da cloroquina: Vitória (ES) tem taxa de mortes 47% acima da média

Dentre as capitais brasileiras, Vitória (ES) foi a que recebeu a maior quantidade de cloroquina do governo federal, proporcionalmente à população, ao mesmo tempo em que acumula uma taxa de mortes por covid 47% maior que a média nacional.

A capital do Espírito Santo recebeu 54 mil comprimidos de difosfato de cloroquina, quantidade que seria suficiente para medicar 15% dos habitantes da cidade ao menos uma vez. O dado considera apenas as entregas feitas pelo Ministério da Saúde às capitais, sem levar em conta repasses e compras que possam ter sido feitos pelos governos estaduais e municipais.

Em julho do ano passado, a prefeitura de Vitória – como tantas outras, estimuladas pelo governo federal – adotou o uso de cloroquina e ivermectina no tratamento à Covid. Os remédios não têm eficácia comprovada contra a doença.

Vitória cloroquina

Taxa quase 50% maior que a média

Até o dia 18 de março, Vitória acumulava uma taxa de 200 mortes por Covid a cada 100 mil habitantes – número 47% maior que a taxa brasileira, que na mesma data havia chegado a 136 mortes por 100 mil habitantes.

As informações foram reunidas com base nos dados abertos do governo federal, do IBGE, da prefeitura de Vitória e do consórcio de veículos de imprensa.

Fonte: Revista Piauí

Ato reúne políticos e sociedade por CPI da Pandemia e liberdade de expressão

Ato reúne 16 partidos, Felipe Neto e sociedade civil pela CPI da Pandemia e em defesa da liberdade de expressão

Diante da maior crise sanitária e institucional que o país atravessa, o Direitos Já! Fórum Pela Democracia realizará o seu VII Ato com o intuito de se dar celeridade à instalação da CPI da Pandemia, junto aos membros do Congresso, com participação de políticos e sociedade civil.

O Ato, que contará com a participação de membros de 16 partidos e amplo apoio de representantes da sociedade civil, também reafirmará o posicionamento, desse grupo, de total repudio a qualquer forma de cerceamento à liberdade de expressão, com desagravo ao youtuber e comunicador digital Felipe Neto – que sofreu represálias, por meio de intimação policial, por ter criticado o presidente da República.

O VII Ato será nesta sexta-feira, às 14h,  pelos canais do Direitos Já nas redes sociais Facebook e YouTube (@direitosjaforumpelademocracia).

Veja a matéria na íntegra aqui.

Compartilhe

Written by:

1.631 Posts

Siga nossas redes! https://linktr.ee/brasilindependente
View All Posts
Follow Me :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.